A Verdadeira História da Branca de Neve

24.7.13

Nunca vou esquecer de quando o meu professor de literatura do ensino médio contou a verdade sobre os contos de fadas. Acho que muita gente já sabe, mas muitas pessoas não, então, lá vai: Os contos de fadas fofinhos contados pelos irmãos Grimm têm uma origem muito obscura, e até bizarra. Isso porque os contos de fadas, na verdade, nasceram na Idade Média, e eram histórias para adultos.
Vou contar para vocês uma das que eu mais achei interessante (e bizarra):

O conto começa quando Branca de Neve, com apenas 7 anos (sim, uma criança), provoca a ira da Madrasta (ou mãe, em algumas versões, o que deixa a história mais bizarra ainda) por ser a mais bela do reino. Então, a ideia da Rainha-Gênio é matar Branca de Neve e preparar uma sopa com seus órgãos para jantar, pois, segundo ela, isso a faria ser a mais bela de novo.
Aham, senta lá, Claudia.
Para realizar esse plano, a rainha contrata um caçador para matar sua filha - É muito amor <3 - e, como prova de que a havia matado, ele tinha que trazer não só seu coração (como na história que conhecemos), mas também o pulmão, o fígado e todo o sangue dela em uma jarra. Basicamente, ela ia fazer uma feijoada de Branca de Neve.
Mas o caçador (que não era o Jason) tinha bom coração e acaba deixando a criança fugir, matando um javali em seu lugar. Ele leva os órgãos para a rainha, que come "tuto", lambe os dedos e bate na pancinha depois para mostrar que está satisfeita.
A história agora corre como nós conhecemos: Branca de Neve fica perdida na floresta até encontrar a casa dos 7 anões e passa a morar com eles. Em troca, ela deve fazer todos os serviços da casa e vai saber mais o que... Porque, pensem, a história é bizarra, e uma garota toda bonitinha vai morar com 7 anões sozinhos e sedentos por... Enfim, pensem besteira, porque é isso mesmo.
O tempo passa e a rainha descobre que o caçador mentiu para ela porque o espelho (mais conhecido como Akinator) fala para ela que Branca de Neve ainda é a mais bela. Então ela fica furiosa e vai atrás da menina.
A rainha, disfarçada de velha decrepita, chega na casa dos anões e quem atende a porta é a Branca de Neve. Agora a história muda: Ao invés dela dar a maçã logo de cara, ela vende 3 produtos polishop para a Branca de Neve. Lá vai:
Na primeira vez, a rainha vende um corpete de seda. A Branca de Neve compra o produto e a rainha a ajuda a fechá-lo, dando um puxão bem forte e o amarra, para que a menina morra sufocada. Novamente: É muito amor <3 Branca de Neve cai desmaiada e a rainha vai embora dançando harlem shake, feliz da vida.
MAS, chegam os anões e vêem a Branca caída no chão. Eles desamarram o corpete e Branca de Neve volta a vida. Ela conta sobre o acontecido e eles a avisam para não atender mais a porta.
Então, o Akinator conta para a rainha que ela ainda não é mais bela do que Branca de Neve. A rainha pensa "WTF?" e volta a casa dos anões.
Branca de Neve, burra como toda princesa de contos de fada deve ser, resolve atender a porta novamente e, fazendo jus ao seu título de burra do século, compra novamente da rainha seu mais novo produto: Um pente! A rainha resolve mostrar a funcionalidade do produto penteando o cabelo da Branca, que cai de novo no chão, pois o pente estava envenenado.
A rainha vai embora novamente feliz da vida, ao som de harlem shake.
Os anões chegam e se deparam com a garota caída no chão. Eles tentam acordá-la usando técnicas milenares e conseguem (essa rainha deveria aprender feitiços com a Bruxa Baratuxa, pelamor). Ela conta o acontecido e os anões ficam furiosos e avisam para não atender a porta, de novo.
O Akinator, que assistiu o TV Fama e está por dentro de todas as fofocas do dia, conta para a rainha que Branca de Neve is alive! É nessa hora que a rainha aprende sua primeira lição de vida: Nunca cantar vitória antes da hora. Aí ela resolve procurar a Bruxa Baratuxa (porque ela ouviu o que eu falei) e faz um feitiço nível  parangaricutirimirruaro e plim: Eis aqui a maçã envenenada que nós conhecemos.
Mais uma vez, Branca de Neve abre a porta para a rainha, que vende a maçã envenenada. Branca come: Branca morre. (finalmente)
Os anões pensam "PQP, de novo??", mas quando não conseguem ressuscitá-la, eles resolvem fazer uma cripta de vidro e deixá-la na floresta com o corpo de Branca de Neve.
Um príncipe pedófilo andava pela floresta e viu a cripta. Ele ficou encantado pela beleza da menina e pediu aos anões para que vendessem a cripta para ele (vai ver ele era necrófilo o.o). Eles não quiseram vender inicialmente, mas depois acabaram dando a cripta (de graça!) para o príncipe, que a levou para o seu castelo.
Aqui vão 2 versões do que aconteceu para a Branca de Neve-Zumbi acordar:
- Um dos servos, cansado de cuidar de uma morta, ficou puto da vida e ao pensar "vida de merda!", desferiu em Branca de Neve um soco no estômago. Branca cuspiu a maçã e acordou.
- Um dos servos derrubou a cripta no chão, que não quebrou, mas foi o suficiente para que Branca cuspisse a maçã e voltasse à vida.
O príncipe então resolve se casar com a garota, de apenas 7 anos. Se fosse hoje, ele seria preso. Ele resolve fazer uma festa incrível e badalada e convida a rainha, que não sabia que o casamento era de Branca de Neve.
Quando chega lá, ela fica apavorada quando vê que sua filha é a noiva.
Branca de Neve descobre, não sei como, que a velha que tentou matá-la era a rainha e resolve se vingar (porque, na certa, ela não assistia Chaves e não sabia que a vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena): Ela faz a mãe colocar um par de sapatos de ferro, que estava na brasa até aquele momento sabe-se lá porquê, e a faz dançar a noite toda até cair morta.

Eheuheuheehuhe e aí, conheciam essa versão? O que acharam? :)
Maiti.
Comentários
4 Comentários

4 comentários:

Realidade Caótica disse... Responder

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk produtos polishop, rindo aqui, muito engraçado. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

Lola Mantovani disse... Responder

Morro de medo, meu projeto desse ano é sobre isso, as histórias dos Grimm é bem sombria se for olhar pro outro lado, agora eu vou ter que ver o filme A floresta Negra pra ver mais sobre a Branca de neve.
beijos

Gabriela Cerutti Zimmermann disse... Responder

Eu sabia que as versões originais dos contos não eram água com açúcar, mas só as li há pouco tempo. Na fanpage brasileira oficial da série Grimm. Mas eram bem resumidas.

Morri com seu jeito de contar a história da Branca de Neve! Mas é tenso pensar que isso era o "folclore" da época. :/

Abraço!
http://constantesevariaveis.blogspot.com.br/

Andressa Pereira disse... Responder

kkkk
eu ri da história, mas diz que é isso mesmo, o conto de fadas não era nada bonito, tanto é que as histórias eram bem por aí, pra lá de sombrias!
Mas vê se pode uma coisa dessas, abrir a porta 3 vezes depois de já ter sido avisada kkk
é tenso essas princesas burras =/

Identidade Aleatória

Postar um comentário

Evite comentários Ctrl+C Ctrl+V, pois os mesmos não serão respondidos. Não se esqueça de deixar o link do seu blog para que eu possa retribuir a visita! :)

 
© Ultraviolence - 2014. Todos os direitos reservados.
"Listen to the silence, let it ring on."
imagem-logo