Essa coisa complicada chamada Amor...

15.5.13

"Where are you now? Where are you now?
Do you ever think of me in the quiet, in the crowd?"



Andei reparando nas pessoas ao meu redor e me surpreendi por constatar um fato muito triste que todas elas têm em comum: A maioria das pessoas que eu conheço não são felizes no amor.
Isso porque, no grupo que eu analisei, tem muitos casos do tipo "gosto de quem não gosta de mim", muitos casos de Friendzone... Mas também teve um caso do tipo "Ela vai terminar com o namorado para ficar comigo, eu sei que vai..." e a garota fica enrolando o cara e não termina nunca (muitas vezes ela nem tem a intenção de terminar, mas fica nessa só porque faz bem para a auto-estima dela saber que tem alguém aos pés dela). Esse último caso eu acho uma tamanha falta de respeito, mas enfim...
Tem também as pessoas que se sentem vazias porque não gostam de ninguém... E para elas, isso faz falta. O sentimento em si faz falta.
E tem o caso da pessoa que evita ao máximo gostar das pessoas porque não quer se machucar. Mas isso não faz dela uma pessoa mais feliz (e nem mais triste). Esse último é o meu caso.
Refletindo sobre tudo isso, eu fiquei pensando... Mas que diabos é isso? Que diabos é o amor? Que coisa difícil, como é possível que todos querem - até precisam - sentir isso, mas ninguém consegue sentir... Ou então sente, mas não é correspondido.
No fim das contas, dói.
E ninguém se sente pleno e feliz sentindo ou não sentindo isso. Concluo então que, na parte sentimental, devem existir 100 pessoas tristes para 10 felizes e plenas. E, talvez, essas 10 pessoas só são felizes porque formam pares entre si: São casais. Isso faz nosso índice de felicidade ser muito pequeno... E isso preocupa.
Eu, do fundo do meu coração, queria que todo mundo fosse feliz. Eu odeio ver amigos sofrendo por amor, eu odeio sofrer por amor. Por que isso acontece?
Talvez o sofrimento seja apenas uma etapa. Uma etapa para o alcance da felicidade plena ao lado do grande amor da sua vida.
Nesse caso, vale a pena sofrer quando o final vai ser feliz.

Penny.
Comentários
13 Comentários

13 comentários:

Luana Moraes disse... Responder

Ownnn que lindo ameiii seu blog!
Ótimo post!!
Beijinhos *-*
lucarolinemoraes.blogspot.com.br
https://www.facebook.com/lucarolinemoraes
Segue e curte que eu retribuo!

Loôh Lautner disse... Responder

amei o post, layout incrivel *-*

Seguindo, segue de volta por favor ??
http://expressofelicidade.blogspot.com.br/

Anônimo disse... Responder

Nossa, realmente é complicado demais. Mas vale a pena! :)

Beijos

Ta rolando sorteio no blog!!
www.fashionvictim.com.br

Scheylla disse... Responder

Olá! Puxa, adorei seu post, é bem verdade!
Muito lindo seu blog, estou seguindo :D

:*
Move On!
Fan Page

Thami disse... Responder

Eu sou a pessoa que se sente vazia porque não gosta de ninguém... E isso faz falta para mim. Realmente você disse tudo!

Xx
www.likeparadise.com.br

Lola Mantovani disse... Responder

Adorei,eu sou do tipo que não gosta de ninguém,sei lá as vezes me sinto estranha todas as minhas amigas ficam falando de quem elas gostam e eu com a maior cara de paisagem sem saber de quem eu gosto, as vezes me sinto feliz e outras vezes não, acho que ninguém conseguiu suprir minhas expectativas ainda
beijos

Joyce Holanda *_* disse... Responder

Amor é uma coisa muito complicada... Como diz a Diva Taylor Momsen " Amor é para pessoas sortudas" .
DÊ UMA PASSADINHA-> http://antesdosquinnzer.blogspot.com.br/
Curtiu ? Segue lá ! Será muita bem vinda!
Obs: Deixe o link do blog. Sigo todos os blogs de volta !

Helena Valentine disse... Responder

Adorei o texto e a foto, é de algum filme?
Hey, estou seguindo seu blog, segue de volta?

Fiz um post no meu blog sobre o desafio da canela, vc pode fazer um post sobre isso também? Se quiser pode até publicar o meu vídeo que eu não me importo *-*

www.cupcaketaste.com

Anônimo disse... Responder

muito bonito seu post!
Te espero lá no blog!
www.lynnkumoruna.com.br

Laryssa Lacerda disse... Responder

Adorei o blog e adorei que você divulgou lá no meu. Volte sempre ;)

www.themelodyinside.com

Daphne disse... Responder

Adorei o texto! Acho que devíamos voltar a Idade Média, onde quase ninguém se importava com o amor. Na verdade, estou ótima assim, sem me apaixonar. Nossa, como tenho vontade de escrever um texto nesse comentário, hehe.
Eu AMEI esse blog! MUITO MESMO! Você é twilighter, né? Pelo visto sim, eu sou. Entrei aqui primeiro porque o link é Penny Lane e adoro Beatles. Ai quando vi Satellite Heart fiquei toda empolgada e tive que ouvir a música.

Beijos
Uma Perfeita Complicada

sim, 27! disse... Responder

Olá Maiti!
Você escreve muito bem, seu texto foi bem intimista e de acordo com sua realidade.
Adorei o plano de fundo do seu blog :D
Ps.: Eu esperei 27 anos para descobrir o que realmente é estar apaixonada, amar alguém de forma intensa e o melhor de tudo, ser correspondida... uma hora esse momento chega pra todo mundo... no seu tempo e com a pessoa certa, e pode acreditar, ela existe pra todo mundo :D
Beiju!

CONHEÇO O BLOG SIM, 27!

Anônimo disse... Responder

Adorei seu blog, vc consegue colocar em plavras tudo que a gente sente.Te adc no facebook http://www.facebook.com/cintia.soares.7583

Bj!

Postar um comentário

Evite comentários Ctrl+C Ctrl+V, pois os mesmos não serão respondidos. Não se esqueça de deixar o link do seu blog para que eu possa retribuir a visita! :)

 
© Ultraviolence - 2014. Todos os direitos reservados.
"Listen to the silence, let it ring on."
imagem-logo